Lições para Cuca

Lições para Cuca ( Foto – Divulgação ) foi o saldo da derrota do São Paulo para o Vasco, 2 a zero, em São Januário. Primeiro de tudo, a causa do resultado negativo não foi o grito homofóbico da arquibancada. Muito menos a braveza de Leandro Castan dentro de campo. Acima de tudo, a causa foi a acomodação e falta de reação do time paulista.

Mérito do técnico Vanderlei Luxemburgo. Ele armou seu Vasco para marcar pressão no campo de ataque. Anulou a lenta saída de bola do São Paulo. Além disso, deixou claro para seu elenco que nome não ganha jogo e que no grito, ninguém ganharia do Vasco. Em contraste, o São Paulo se acomodou diante dos últimos resultados e deixou de forçar o jogo. Caiu na arapuca do rival.

Certamente, a expulsão de Raniel, ajudou no desastre. Além disso, os buracos na defesa ficaram claros. Os gols do Vasco saíram de cruzamentos, nos buracos deixados pela zaga. A falta de reação foi notada quando Antony deixou o campo de jogo. Não existia saída planejada para o ataque. O meio não criava, os laterais recuaram e o jogo caiu na mão do Vasco. Aliás, merecedor do resultado. Que Cuca aprenda a lição.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of